Pesquisar
Close this search box.

Chuva forte causa estragos em Londrina e região

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Cotidiano
  6. /
  7. Chuva forte causa estragos...

Fim de semana foi marcado por alagamentos, quedas de árvores, desabamentos e falta de energia em diversos bairros de Londrina e também em regiões de Cambé

Uma forte chuva atingiu os municípios de Londrina e Cambé neste domingo (17), causando diversos estragos nas cidades. Alagamentos, quedas de árvores, desabamentos de muros e veículos submersos foram alguns dos problemas registrados. Até às 20h, ambas cidades já haviam registrado cerca de 12 milímetros de chuva, de acordo com o Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental (Simepar).

Houve pontos alagamentos em vias importantes de Londrina como Dez de Dezembro, Avenida Juscelino Kubitscheck, Leste-Oeste, Avenida São João, Avenida Brasília, Avenida Winston Churchill, além de ruas nas proximidades dos lagos Cabrinha e Igapó.

Em um dos pontos, o Corpo de Bombeiros foi acionado para resgatar uma família que estava dentro de um carro preso na enxurrada, mas os detalhes da situação ainda não foram confirmados. Além disso, vias que ligam o Jardim São Paulo e o Jardim Santo Amaro, em Cambé, também ficaram alagadas.

A força da chuva também causou desabamentos e quedas de árvores. No Jardim Alpes, na zona norte de Londrina, um muro caiu e atingiu a área de serviço de uma casa. O restante da residência ficou coberto por lama e os móveis encharcados. Felizmente, ninguém se feriu.

Em um condomínio de prédios em Nova Olinda, também na região norte do município, a terra afundou em volta da estrutura de alguns blocos e a garagem ficou alagada. Ao menos 12 famílias tiveram prejuízos.

De acordo com a Defesa Civil, foram registradas 12 quedas de árvores, seis deslizamentos e dois alagamentos. A equipe da Defesa Civil está realizando atendimentos em todas as regiões do município e deve divulgar nas próximas horas um relatório completo dos estragos causados pela chuva.

A Defesa Civil orienta os moradores a tomarem precauções durante as chuvas fortes, como evitar áreas de risco, não trafegar em vias alagadas e redobrar a atenção ao dirigir. Em caso de emergência, o telefone da Defesa Civil é 199.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Cotidiano

De olimpíadas e outros esportes

Editorial – Edição: 962 – sexta-feira, 12/04/24 Querida leitora e caro leitor Nossa matéria de capa, ou de 1ª página quando se fala em jornal,