Pesquisar
Close this search box.

De orçamentos, kart, licitações e rotundas

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Cotidiano
  6. /
  7. De orçamentos, kart, licitações...

EDITORIAL – Edição: 900 – sexta-feira, 16/12/22

Olá, querido leitor e cara leitora do JR

O orçamento para 2023 do município de Rolândia causa surpresa: são R$ 400 milhões. Na verdade, essa é a estimativa de todas as receitas que o município pode receber no ano que vem. Aí estão as arrecadações propriamente ditas do município, como IPTU e ISS, transferências de impostos dos governos estadual e federal, como ICMS e IPVA, além de convênios, emendas etc. Isso quer dizer que o município não irá arrecadar com seus impostos R$ 400 milhões. Mas que é uma bela receita, isso é…

Juntamente com essas receitas, o Orçamento precisa apontar as despesas e quanto em recurso vai para cada área. Na Saúde, serão quase 90 milhões e quase 100 milhões para a Educação. Há, por lei, um percentual mínimo para se investir nessas áreas. Nas outras, o orçamento precisa ser construído e a população pode ajudar nessa construção. Como? Participando e sugerindo durante as audiências que são feitas com esse objetivo, geralmente na Câmara Municipal.

Falando em prefeitura e política e orçamento, a prefeitura de Cambé está fazendo a capacitação de seus colaboradores e colaboradoras sobre as mudanças na Lei das Licitações. A matéria é bem interessante e mostra o que pode ser feito para se otimizar as licitações e ganhar tempo e dinheiro. O melhor de tudo, não desperdiçar tempo e nem dinheiro público, que é o nosso dinheiro. Exemplo que deveria ser seguido por outras prefeituras…

E o Gui, hein? O piloto rolandense simplesmente disputa as 10 etapas da Copa São Paulo Light de Kart e vence, ou melhor, convence e revence (essa palavra não existe). O que queremos dizer que o bicampeão paulista de kart na categoria Cadete (uma das mais disputadas da competição) é um paranaense, ou melhor, um rolandense. Para não deixar dúvidas, venceu em 2021 e em 2022.

Será que o Guilherme sabe como entrar nas rotatórias? Rolândia está se tornando a cidade das rotatórias, também conhecidas como rotunda, rótula, redondo, girador… Enfim, temos uma matéria especial sobre o assunto. Quantos condutores e condutoras não sabem como e quando entrar numa rotatória em Rolândia? Tem aqueles que acham que, por estar numa avenida, tem a preferencial. Bom, a matéria está na página 11 e a tenente Barroca explica direitinho o que se pode fazer e o que não se deve fazer…

Boa Leitura

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Cotidiano

Arapongas terá desabastecimento no domingo

Manutenção na rede de energia elétrica, feita pela Copel, afeta abastecimento de água no município A Companhia de Saneamento do Paraná – Sanepar informa que,