Pesquisar
Close this search box.

Os conselheiros tutelares eleitos na RML

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Cotidiano
  6. /
  7. Os conselheiros tutelares eleitos...

Eleição foi bem concorrida nas cidades da região, que elegeram 5 membros para seus conselhos; Londrina elegeu 25 conselheiros, pois tem 5 órgãos

Os eleitos em Rolândia: Ana Marina, Cristiane, Rogério, Maria Tereza e Alice Aparecida

No domingo (1), das 08 às 17 horas, houve a eleição do Conselho Tutelar para a escolha dos conselheiros da gestão dos próximos quatro anos – de 2024 a 2028 – em todo o país. Nas cidades da Região Metropolitana de Londrina (RML) apenas Londrina tem mais de um conselho, na verdade são 5 órgãos, e, por isso, 25 conselheiros foram eleitos no pleito. Nos outros municípios, que têm apenas um Conselho Tutelar, foram eleitos 5 conselheiros e seus suplentes. O Conselho Municipal do Direito da Criança e do Adolescente (CMDCA) de cada cidade divulgou a homologação parcial dos candidatos.

Rolândia

A eleição ocorreu nos cinco colégios estaduais do município e foi disputada por 18 candidatos. A apuração foi realizada no Centro Cultural Nanuk e terminou depois das 19 horas com o seguinte resultado: Alice Aparecida Cruz de Andrade foi a mais votada, com 283 votos, seguida de Maria Teresa Juliana Valente (266), Rogério Santana (187), Cristina Kauffman B. da Silva (158) e Ana Maria Lopes (147).  Em Rolândia, houve dois conselheiros reeleitos dos três que tentaram a reeleição: Rogério e Maria Teresa. A conselheira Camila Fernanda Ignácio recebeu 145 votos e é a 1ª suplente para o próximo mandato.

Cambé

Em Cambé, o processo eleitoral foi realizado nos seis colégios eleitorais distribuídos pelo município. De acordo com a presidente do CMDCA, Lucimara Frasson, a eleição transcorreu de maneira tranquila, sem filas ou problemas no encerramento das sessões. O CMDCA da cidade divulgou e relação parcial dos nomes eleitos – já a homologação final será divulgada no dia 10, após julgamentos de denúncias pela Comissão Organizadora e Julgadora e plenária do CMDCA.  Os candidatos eleitos foram Simoni Cristina Brito, com 442 votos, Marcia Souza (290 votos), Dilson Oliveira (244), Kemely Cristina Nunes (235) e Josiane Botti (220 votos).

Arapongas

No município de Arapongas, mais de 4,5 mil pessoas foram às urnas escolher os conselheiros tutelares da cidade para 2024-28. Depois da apuração realizada, a mais votada foi Martha Marchiori, que recebeu 446 votos, eleita para o Conselho. Eloise Cristina Hollandini (351 votos), Silvia Mara Barbosa Ferreira (341), Edmilson Camilo Vasconcelos (336) e Fernanda Branco Cavalcante (322 votos) completam o Conselho Tutelar da cidade. O prefeito Sérgio Onofre foi um dos 4.551 eleitores que participaram da votação realizada nas dependências do Colégio Estadual Marquês de Caravellas.

O prefeito de Arapongas, Sérgio Onofre, participa do processo eleitoral

Ibiporã

No município de Ibiporã, a eleição para o Conselho Tutelar foi disputada por cinco candidatos e três candidatos. Depois da apuração, o CMDCA divulgou o resultado das urnas: foram eleitos Jonathan Malheiro Telles, que recebeu 332 votos, Isadora Luchini Pedro (286 votos), Juliana Zeferino (285), Damião João de Souza (271) e Rafael Felipe Moreira Forin (238). Ficaram na suplência Giovana Henrique dos Santos (177 votos), Vantharen Leite Subires (129) e Luiz Augusto Lemos (50).

Londrina

Em Londrina, 16.276 cidadãos votaram em 79 escolas municipais e Centros de Educação Infantil para eleger os novos conselheiros tutelares para a gestão de 2024 a 2028. O resultado foi divulgado poucas horas após o encerramento da eleição e, ao todo, 25 conselheiros foram eleitos como titulares e outros 23 como suplentes. Os eleitos foram Leticia Menegon (3.239 votos), Izabela Aranega (937), Marcia Aljarilla (803), Naara Grecco (774), Bruna Moura (647), Thatiane Rodrigues (646), Célia Andrade (585), Elen Luz (473), Felipe Giovanne (404), Professora Karol Lombardi (401), Patricia Mafalda (371), Danielle Crude (358), Isabela Moreno (348), Patricia Oliveira (344), Valmirete Alves (314), Fernanda Oliveira (298), Carla Gimenez (287), Ana Paula Porto (261), Rosangela /Rosinha (260), Nilza Ferreira (255), Prof. Sueli Lopes (247), Andreia (240), Patricia Cocatto (224), Rafael Plath (224) e Mestre Vagão (221 votos).

Jaguapitã

No município de Jaguapitã, um edital do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente 9CMDCA) foi publicado já com os resultados da eleição para o Conselho Tutelar. Foram eleitos Cidinho do restaurante D’Arcos com 255 votos, Paula Foiani (143 votos), Vânia Oliveira Silva (126), Elisangela Martins (100) e Stella Papa (98 votos). Paula, Stella e Elisangela foram reeleitas no processo eleitoral.

Prado Ferreira

Em Prado Ferreira, 6 candidatos/candidatas disputaram a eleição para o Conselho Tutelar do município – 228 pessoas foram às urnas. Depois da apuração, Inês Aparecida Rodrigues foi eleita com 103 votos, seguida de Tiago da Silva Ferreira (87 votos), Cristiane Moreira da Silva (65), Micheli Peres Soares de Oliveira (51) e Rosimeire de Fátima Faccio da Silva (41). Clóvis Mendonça, que recebeu 33 votos, é o suplente.

Atribuições – Os conselheiros tutelares possuem atribuições definidas pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) (lei federal no 8.069/1990) e pela lei municipal n° 13.545/2022 que regem a garantia da condição da criança e do adolescente como sujeitos de direitos e assegura a proteção integral e prioritária de seus direitos. Os conselheiros também são responsáveis por fomentar a responsabilidade da família, da sociedade e do Poder Público, e apresentar os casos atendidos e as providências tomadas para referendo do colegiado do Conselho Tutelar.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Cotidiano

De eleição, de atentados e de PodFalah JR

Editorial – Edição: 971 – sexta-feira, 21/06/24 Querida leitora e caro leitor Respeitável público: a eleição do dia 06 de outubro já começou. Em Rolândia,