Pesquisar
Close this search box.

Solidariedade: o rolandense Greg precisa de sua ajuda

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Cotidiano
  6. /
  7. Solidariedade: o rolandense Greg...

Rolandense tetraplégico cria campanha de arrecadação virtual para comprar equipamentos adaptados para fazer fisioterapia domiciliar

Greg na cama de sua casa (foto: World Fotografias)

Recentemente, amigos do rolandense Valdeci Belmiro (45), conhecido carinhosamente como ‘Greg’, lançaram uma campanha solidária de arrecadação virtual. O objetivo é angariar fundos para adquirir aparelhos adaptados essenciais e fundamentais para o processo de reabilitação pelo qual Greg está passando.


Com as doações iniciais, já foi possível adquirir um equipamento para a reabilitação de Greg, no entanto, o objetivo vai além e inclui a obtenção de uma variedade de aparelhos especializados que podem ampliar suas possibilidades de movimentação e terapia em casa.


“Estamos buscando a aquisição de diversos equipamentos, entre eles cadeira para banho reclinável, maca ortostática, par de luvas para reabilitação, aparelho cicloergométrico, colete 4 pontos para elevação, macacão para elevação, acessórios para a gaiola Thera Suit (elásticos e cinto de couro), e esteira elétrica para reabilitação”, revelou Greg.

Vakinha e Pix
Para ajudar na campanha e fazer a diferença na vida de Greg, as pessoas podem acessar o link da vaquinha online (clique aqui) ou ajudar pelo [email protected] (chave Pix).

A história de Greg
“Nasci em 1978, na cidade de Nova América da Colina, há 60 km de Londrina. Minha infância foi no sítio e concluí o Ensino Médio naquela cidade, onde morei até meus 23 anos. Depois me mudei para Rolândia em busca de melhores oportunidades de trabalho. A decisão deu resultado pois aqui trabalhei em diversas empresas e meu último emprego era com vendas, atendendo salões de cabeleireiro da cidade e região”, contou.


A vida do rolandense teve uma reviravolta drástica durante a virada de ano entre 2019 e 2020, quando um acidente o deixou tetraplégico. “Ao pular em uma piscina, eu sofri lesão na medula que afetou as vértebras C4 e C5. De acordo com os médicos, não houve uma batida, mas sim, um efeito chamado ‘chicote’, que é quando a cabeça vira para trás com muita pressão, causando a lesão. Após o acidente, eu fiquei internado no Evangélico de Londrina por 70 dias”, compartilhou.


A determinação de Greg em recuperar a mobilidade nunca diminuiu desde o acidente e, agora, amigos estão se unindo em uma campanha de arrecadação de fundos para ajudá-lo em seu processo de reabilitação. “Após o acidente, minha vida mudou completamente. Preciso de cuidados constantes para realizar ações básicas. No entanto, tenho visto pequenos avanços na minha recuperação, o que me enche de esperança”, pontuou Greg.


Desde então, sua fisioterapia tem sido um ponto importante em seu processo de recuperação. A iniciativa de uma vaquinha online surgiu graças ao esforço incansável de seu fisioterapeuta, Reginaldo Rissato, e sua amiga Ana Eloisa. “Decidimos criar essa campanha online para garantir transparência e permitir que todos possam contribuir e acompanhar o progresso da arrecadação”, explicou a amiga Ana Eloisa.


Greg também afirma que, mesmo em meio às dificuldades, não perde a esperança e faz agradecimento seguido de um pedido de ajuda. “Gostaria de agradecer a todos que têm cuidado de mim e aos que têm sentido em seus corações o desejo de fazer o bem ao próximo. Que Deus os abençoe grandemente. Cada doação, não importa o valor, faz uma grande diferença, e todos que ajudarem serão informados sobre como seu apoio está sendo utilizado. Muito obrigado”, concluiu.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Cotidiano

De eleição, de atentados e de PodFalah JR

Editorial – Edição: 971 – sexta-feira, 21/06/24 Querida leitora e caro leitor Respeitável público: a eleição do dia 06 de outubro já começou. Em Rolândia,