Pesquisar
Close this search box.

Cambé: projeto do novo viaduto foi entregue

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Infraestrutura
  6. /
  7. Cambé: projeto do novo...

Prefeito Conrado Scheller foi a Curitiba entregar o projeto do viaduto Esperança pessoalmente ao governador Ratinho

O prefeito de Cambé, Conrado Scheller, foi a Curitiba e entregou o projeto de construção do Viaduto da Esperança ao governador Ratinho Júnior na quarta-feira (28). O projeto prevê a elevação da Avenida da Esperança sobre a BR-369 para desafogar o trânsito da região e dar mais segurança aos motoristas. Estiveram na reunião os deputados estaduais Tiago Amaral e Cloara Pinheiro; o secretário de Infraestrutura e Logística do Estado, Sandro Alex; o diretor presidente do DER-PR, Fernando Furiatti; e o presidente da ACIL, Angelo Pamplona.


Segundo a estimativa do projeto, cerca de 25 mil veículos e seis mil caminhões trafegam diariamente pelo trecho, que liga Londrina, Rolândia e Arapongas, e que também faz a ligação da parte de baixo da BR-369 com o Centro e outros bairros de Cambé.

Trâmite
Primeiramente, o projeto precisa ser aprovado pelo Governo Federal, através do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). Depois disso, o Governo do Estado, pelo DER, poderia dar sequência e executar a obra.


O prefeito Conrado Scheller salientou que o projeto é muito aguardado por toda a população da região, e que traria muito mais segurança e melhoria de fluxo aos veículos locais. “Desde muito tempo estamos conversando sobre esse projeto, da importância que ele traz, para uma nova Cambé, uma nova região norte. Então, estamos muito contentes. Claro que temos novas etapas para serem percorridas, mas até agora tudo está dando certo. Nós conseguimos solucionar um problema parecido com a obra do Viaduto Bratislava e esperamos, com esta intervenção, transformar Cambé mais uma vez”, destacou.


“Esse é um projeto importantíssimo. Há muito a sociedade e toda a região trabalham em cima dessa solução, para que a gente possa diminuir os acidentes que acontecem neste cruzamento, facilitar a vida e a integração urbana da cidade dos dois lados e, claro, levar mais segurança para toda a população e melhorar a logística de Cambé, Londrina, Rolândia e toda a região. Com a obra, teremos mais integração, vamos juntar Cambé, que hoje é, infelizmente, separada por uma BR, e com esse projeto visamos unificar cada vez o município. O Governo do Estado está disposto a colaborar nesta obra apresentada pela Prefeitura de Cambé com os recursos necessários”, pontuou Ratinho.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Infraestrutura

Uma ciclovia no jardim Santo Amaro, em Cambé

Prefeitura Municiapl de Cambé apresentou o projeto de construção de ciclovia na Avenida Gabriel Freceiro de Miranda No sábado (8), a Prefeitura de Cambé promoveu