Pesquisar
Close this search box.

Roberto Carlos, 80 anos do Rei

  1. Home
  2. /
  3. Notícias Antigas
  4. /
  5. Roberto Carlos, 80 anos...
    Com 12 anos de idade, um garoto chamado Luiz Maurício – que depois veio a se chamar Lulu Santos – viu Roberto cantar na extinta TV Rio, e soube o que iria fazer pro resto da vida. Aos 18, Maria Bethânia o viu no programa da Jovem Guarda e – segundo ela mesma – mudou tudo que sabia sobre música. Ao todo, são mais de 140 títulos, entre CDs, LPs etc…de artistas nacionais e internacionais que já lançaram músicas de Roberto. Isso, mas de longe não só isso, mostra o tamanho da entidade Roberto Carlos.

    Desde seu início cantando Rock até os dias atuais, RC caminhou sobre o sucesso, aliando duas características que muitos gênios da música possuem, mas que geralmente só uma delas é destacada. A primeira, obviamente, o talento pra música e a segunda é um profundo conhecimento do mercado musical vigente. De Rolling Stones a Madona, de MJ a Kiss, todos que, como o rei, souberam se modificar e se atualizar conforme o que o momento pedia, se mantiveram e relevância. E ninguém, aqui no Brasil, é mais relevante musicalmente que Roberto.

    RC explodiu com a Jovem Guarda, causando histerias a nível de Beatles, nos anos 70 – principalmente após os famigerados shows do Canecão – se transformou num crooner romântico a lá Frank Sinatra, incorporando em suas apresentações uma orquestra e muito romantismo. Hoje se mantém no trono das grandes estrelas da história da MPB por sua obra.

    É difícil definir Roberto, pois ele não canta só romance, canta a vida, a coisas simples, a sua mãe. Talvez a grande genialidade do rei seja se manter sempre em uma linha tênue de recado e simplicidade. Ele canta – muito – sobre amor, quase sempre sem ser brega. Canta sobre as coisas do dia a dia sem entediante, até música gospel ele faz com sutileza. 

    É claro que, como grande parte dos artistas desse nível, a pessoa Roberto nem sempre é tão louvável quanto o artista. Mas talvez isso fique para outra conversa. Hoje é dia de celebrar um artista ímpar de talentos extraordinários que jamais desafina. Na música, merecidamente o rei. 
Samuel M. Bertoco é formado em Marketing e Publicidade

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM: