Pesquisar
Close this search box.

Casos de dengue aumentam na região da 17ª Regional

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Saúde
  6. /
  7. Casos de dengue aumentam...

Municípios de Jaguapitã, Prado Ferreira e Cambé já estão em epidemia; Arapongas e Rolândia continuam em estado de alerta contra a doença

Em Rolândia, as equipes de combate ao mosquito Aedes aegypti continuam trabalhando firme

Os casos de dengue têm aumentado nas cidades de região, com algumas em situação alerta, de emergência e outras já em epidemia. Jaguapitã e Prado Ferreira são os municípios da região em que circula o JR em que há mais casos proporcionalmente em relação a população. Os dois locais e também Cambé estão em estado de epidemia da doença, ou de emergência.

Rolândia
Em Rolândia, são 71 casos confirmados de dengue até a data de quarta-feira (25) – isso dentro do ‘ano da doença’, que começa em agosto de 2022. O município tem 3858 notificações até essa data e 3482 casos descartados – só nos últimos 14 dias foram 561 notificações.


As equipes de combate ao mosquito Aedes aegypti continuam trabalhando firme, principalmente recolhendo lixo e entulhos descartados de maneira irregular. Apesar dessa ‘aparente tranquilidade’, o cenário pode mudar de uma hora para outra se as pessoas não fizerem, realmente, o ‘dever de casa’ no combate ao foco do mosquito Aedes.

Arapongas
Já em Arapongas, de acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, foram confirmados 129 casos de dengue e mais da metade são importados: 66 para ser mais exato. Esses números são até a data do sábado (22). Foram 1675 notificações e 1525 casos descartados – 21 ainda estão em investigação. O município registra cerca de 118.573 moradores de acordo com a prévia do Censo 2022.

Cambé
O município de Cambé, que tem cerca de 107.220 habitantes (prévia do Censo 2022), está em estado de emergência. Foram confirmados 384 casos confirmados da doença até a quarta-feira (26) entre 6377 notificações. Desses casos, apenas um é importado. O município tem feito ações como mutirão de recolhimento de entulhos desde o início do ciclo, com intensificação na transmissão sustentada, ou seja, com aumento de casos durante duas semanas.

Jaguapitã
O município de Jaguapitã está em epidemia de dengue desde a terça-feira (24). São 345 casos confirmados em 864 notificações sobre a doença. Os casos confirmados são apenas deste ano e esse número de pessoas com a doença tem sobrecarregado as UBSs e o hospital do município. Se for levado em conta que a cidade tem 15.193 moradores (prévia do Censo 2022), nota-se que o número de casos é grande.


“Estamos com menos agentes de combate a doenças, mas a equipe de endemias está efetuando um ótimo trabalho”, ressaltou Gisele Aparecida de Moraes, secretária de Saúde do município. “Na segunda-feira fizemos uma mobilização na Vila Operária, bairro em que há mais casos e focos do mosquito. Na quarta, novo arrastão e aplicação de veneno nesse bairro, com acompanhamento de profissionais da 17ª Regional da Saúde”, pontuou a secretária.

Prado Ferreira
A cidade de Prado Ferreira está em epidemia da doença. Dentro do ‘ano da doença’, que começa na semana epidemiológica 31 de 2022 e segue até a semana 16 deste ano, o município teve 528 notificações e 312 casos confirmados – 192 estão em investigação. Com cerca de 3.660 habitantes (préva do Censo 2022), os números são alarmantes, se considerarmos a proporção por moradores.


Prado tem feito várias ações como o arrastão com apoio de técnicos da 17ª Regional da Saúde na segunda-feira, dia 24 de abril. Nessa ação foram vistoriados os quintais e tomadas as medidas cabíveis de acordo com a legislação municipal. Além disso, profissionais de saúde estão desenvolvendo um trabalho de conscientização de combate à Dengue na escola municipal e estadual, onde foi entregue um Kit Educativo que traz informações sobre a dengue. Também foram contratados dois profissionais para a ajuda de campo e um enfermeiro para ajudar na assistência aos pacientes. O município deve montar uma tenda no campo de futebol para trabalhar a conscientização sobre o combate à doença durante o Torneio do Trabalhador, no dia 1º de maio.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Saúde

São Martinho tem nova UBS

Inauguração da Unidade Básica de Saúde do distrito de porte 1 aconteceu na sexta-feira; obra ficou em quase R$ 1,5 milhão A nova Unidade Básica