Pesquisar
Close this search box.

Rolândia: homem surta e depreda carro do Conselho Tutelar

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Segurança
  6. /
  7. Rolândia: homem surta e...

Conselheiros foram até um sítio na zona rural para retirar criança, decisão tomada em conjunto com a Rede de Proteção do município

Veículo ficou bem avariado com as pedradas

Um veículo novo do Conselho Tutelar de Rolândia foi atacado por pedras e teve vidros quebrados, entre outras avarias, na quarta-feira (17), na zona rural do município. O autor das pedradas é o morador do sítio, pai de uma criança de menos de três anos que foi afastada da convivência dos pais, numa decisão em conjunto do Conselho Tutelar e da Rede de Proteção à Criança de Rolândia. Depois de atacar o carro, o homem fugiu, mas continua ligando no Conselho Tutelar de Rolândia e fazendo ameaças, inclusive contra a vida dos conselheiros.


De acordo com um dos conselheiros que esteve na ação, a família é monitorada desde 2020, ano em que chegaram em Rolândia. “A criança veio com menos de um ano e estava com verme, tuberculose e escabiose”, afirmou o conselheiro. “Nosso trabalho não é afastar a criança da família. Isso é apenas em último caso. Trabalhamos muito com esse casal para não precisar chegar ao ponto de levar a criança, mas não adiantou. O desenvolvimento dele está todo atrasado, tem 3 anos e não fala nem mamãe ainda. Dentes podres, todo sujo, mal cuidado”, ressaltou o profissional.


O Conselho, então, em conjunto com a Rede de Proteção do município, decidiu retirar a criança dos pais, cuja mulher tem um atraso cognitivo e o homem, problemas psiquiátricos. “Inclusive o casal tem outros dois filhos mais velhos que foram retirados pelo Conselho Tutelar de Londrina”, afirmou o conselheiro. Na quarta (17), dois conselheiros foram até o sítio e o pai da criança surtou e jogou pedras no veículo do Conselho.


“Um veículo novo e bem cuidado do Conselho Tutelar foi destruído e já está sendo encaminhado a oficina, mas, graças a Deus nós estamos bem. Nosso trabalho muitas vezes nos coloca em risco para salvar uma criança, enfrentamos muita coisa ruim, mas ver a criança bem vale a pena e vale qualquer sacrifícios”, resumiu o conselheiro.


Ainda de acordo com os conselheiros tutelares de Rolândia, o homem tem ligado sem parar no Conselho Tutelar falando que vai destruir tudo. “Ele diz que vai me matar e não sei mais o quê. Mas estamos tranquilos, sabendo que fizemos nosso trabalho”, concluiu o conselheiro tutelar rolandense, cujo mandato termina em dezembro deste ano.


Uma nova eleição para as 5 vagas do Conselho Tutelar de Rolândia acontece no dia 1º de outubro deste ano. De acordo com a Secretaria de Assistência Social e com o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, 42 candidatos e candidatas estão aptos ao teste teórico, com a prova escrita, dentro do “Processo Seletivo – Conselho Tutelar”, no dia 25 de junho.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Segurança

Maio Amarelo no Colégio Roland

Dentro da campanha, ações são realizadas em escolas e colégios Uma ação dentro da campanha ‘Maio Amarelo’ levou um carro batido até a frente do