Pesquisar
Close this search box.

‘Mulheres de Peito’ levam doações ao Hospital do Câncer

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Social
  6. /
  7. ‘Mulheres de Peito’ levam...

Entrega foi realizada na semana passada diretamente ao gerente de marketing da instituição londrinense, Fábio Maneiro

Participantes da campanha entregam a doação a Fábio Maneiro

Durante o mês de outubro, foram realizadas as ações da campanha ‘Mulheres de Peito’, idealizada pelo JR em parceria com cinco empresas gerenciadas por mulheres de Rolândia. O objetivo principal dessa ação coletiva feminina foi o de desmistificar o câncer de mama por meio de muita informação e conhecimento, além de também contribuir com doações para o Hospital do Câncer de Londrina.


E, nesta segunda (14), foi realizada a entrega das doações arrecadadas durante o mês pelas voluntárias, que puderam levar os itens diretamente ao gerente de marketing da instituição, Fábio Maneiro.


Estiverem presentes no Hospital a sócia/proprietária do JR, Josiane Rodrigues, Paula Ramos, sócia/proprietária da loja Madame Bike, a empreendedora Mariane Sayuri, do Brechó com Propósito, e a empreendedora, Nayara Afonso, da empresa Mídia Pontual. Durante outubro, as voluntárias fizeram arrecadações de copos descartáveis de água (180 ml), água de coco para quem está fazendo quimioterapia, aparelhos de barbear descartáveis para o preparo das cirurgias, óleo de soja e detergente.


Com as ações, o CNA Rolândia arrecadou 38 garrafas de detergente, 600 copos plásticos, 26 aparelhos de barbear, 9 litros de óleo, 12 caixas de água de coco. O Brechó com Propósito arrecadou 20 detergentes, 4 pacotes de copos descartáveis, 3 caixas de óleo de soja e 10 lenços. A loja Madame Bike arrecadou 55 litros de detergente, 66 giletes descartáveis, 46 frascos de óleo de soja, 49 litros de água de coco e 19 pacotes de copos descartáveis. O Studio JT – Treinamentos Físicos também atuou como ponto de coleta em parceria com a Mídia Pontual e lá foi arrecadado 10 detergentes, 15 pacotes de copo descartável, dezenas de óleos de soja, e 5 pacotes de giletes descartáveis.


Fábio Maneiro afirmou que todo e qualquer tipo de doação feita para o hospital é muito bem-vinda e muito necessária. Hoje o HC atende 47 mil pacientes que estão em tratamento, e que foram encaminhados de 166 municípios do Paraná. Com isso, são realizados uma média de 1800 a 2200 atendimentos por dia no hospital. Devido à grande demanda que o local supre, as necessidades sempre existem, e qualquer contribuição é válida.


“Temos um déficit mensal de R$ 2,5 milhões e é graças à comunidade que conseguimos pagar cada centavo. Nossos principais produtos que mantêm o hospital são o carnê mensal e a doação pela Copel. Essas ferramentas podem ser acionadas pelo fone 3343-3300. São graças a essas doações, e também as doações de alimentos e de produtos descartáveis, que o hospital hoje é uma referência internacional”, ressalta o gerente .


O profissional afirma que, além das iniciativas e das campanhas que envolvem toda a comunidade, um dos grandes diferenciais do HCL é o aspecto do voluntariado. “Nós temos centenas de pessoas especiais que são verdadeiros ‘anjos’ e sempre nos ajudam. Reconhecemos e valorizamos muito nosso voluntariado, sem ele, o hospital possivelmente já teria fechado”, pontua.


Item necessário
Um dos itens que o hospital mais necessita são copos descartáveis, pois não é tão doado e é muito utilizado. A campanha de doação de turbantes virtuais também para o HC ainda está ativa. A doações deste turbante simbólico pode ser feita via Pix ([email protected]) e o ideal é que seja de, no mínimo, R$10.


O valor arrecadado, além de ser utilizado para a compra dos turbantes, também é destinado para outras manutenções gerais, compras de medicamentos e demais demandas existentes na instituição de saúde.

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Social

Arte e solidariedade ao RS em Arapongas

Festival Solidário arrecada doações para o Rio Grande do Sul e incentiva arte em grafite A Prefeitura de Arapongas, através da Secretaria Municipal da Cultura,