Pesquisar
Close this search box.

Agradáveis em Cristo

Por Humberto Xavier Rodrigues

Para louvor e glória da sua graça, pela qual nos fez agradáveis a si no Amado. Efésios 1:6. Este versículo está inserido no contexto de uma das grandes revelações dada pelo Espírito Santo ao apóstolo Paulo, evidenciando com inconfundível clareza as riquezas e imensuráveis bênçãos doadas aqueles que creem. E, Cristo é o fundamento sobre o qual todas essas bênçãos estão assentes e, delas usufruímos porque Nele estamos.


Portanto, o segredo de toda benção está no fato de ter Cristo satisfeito todas as exigências de Deus. Por isso, Cristo é amado por Deus e, os que creem, são vistos como agradáveis, por estarem Nele. As bênçãos são concedidas nos lugares celestiais, da maneira mais excelente, não deixando lugar para nenhuma comparação.


São bênçãos concedidas em Cristo: Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo. Efésios 1:3. Fomos abençoados com todas as bênçãos em Cristo. Nem uma sequer faltou, e são todas da mais elevada ordem. Não só bênçãos transitórias, mas também, bênçãos eternas.


Ele nos deu esse lugar em Cristo – salvou-nos Nele. E assim, fomos constituídos objetos do favor de Deus, em harmonia com o Seu soberano amor, quando, em nós, nada havia que podia agradá-Lo, isto porque, a graça de Deus dispensa qualquer pretenso “favor” humano.


Se quisermos compreender esse amor, é por Cristo e em Cristo que devemos experimentar fazê-lo. Porque somente em Cristo temos a compreensão daquilo que não se pode entender, a saber, as insondáveis riquezas reveladas Nele.


O coração de Deus encontra em Seu Filho as Suas delícias: E o Espírito Santo desceu sobre ele em forma corpórea, como pomba; e ouviu-se uma voz do céu, que dizia: Tu és o meu Filho amado, em ti me comprazo. Lucas 3:22. E, em Cristo nos tornamos agradáveis a Deus.


Agora o Céu está aberto ao homem, em Jesus Cristo. Assim, Deus estabeleceu a nossa reconciliação nos salvando para filhos de adoção e nos tornando agradáveis em Cristo”, com o propósito de nos ter perante Ele. Este é um dos princípios fundamentais da graça de Deus.


Fomos introduzidos neste mundo pela criação de Adão. O desenvolvimento de todos os caracteres desta criação teve lugar até a cruz. Agora, o nosso lugar em Cristo nos foi dado para todo o sempre. Amém!!!

Humberto Xavier Rodrigues é formado em Teologia.

Humberto Xavier

Humberto Xavier

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

Religião

Dois Homens

Por Humberto Xavier Rodrigues O fariseu, posto em pé, orava de si para si mesmo, desta forma: Ó Deus, graças te dou porque não sou

Cultura

Retrospectiva 2023: Melhores Séries

Por Samuel M. Bertoco Começando tardiamente nossa retro, já vou deixando a informação aqui que esse ano não vai ter dos filmes, assistam Barbie e

Religião

Um propósito definido

Por Humberto Xavier Rodrigues A cruz, foi e é o fato mais revolucionário que já apareceu entre os homens. É por esta razão que a

Religião

Do ego para Cristo

Por Humberto Xavier Rodrigues Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu