Pesquisar
Close this search box.

DC Universe e Warner – Não façam isso!

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Colunas
  6. /
  7. Cultura
  8. /
  9. DC Universe e Warner...

Por Samuel M. Bertoco

Quem tá por dentro dos filmes de super heróis sabe a bagunça que foi a empreitada da Warner/DC – dona da Liga da Justiça, Superman, Batman etc…Mas agora James Gunn – que fez bonito na concorrente, Marvel, assumiu a cadeira; lançaram esse último filme do Flash pra dar uma resetada em tudo e vai “marromeno” começar do zero. E aí já que eles leem minha coluna vou lançar umas dicas do que não fazer.

  • Não descaracterize os heróis: Superman e cia estão aí pra mais de 80 anos e, apesar de existirem várias versões dos heróis, eles têm consolidados alguns conceitos que, principalmente nas primeiras empreitadas não dá pra sair mudando. Superman é conhecido pela sua fé na humanidade, Batman não mata e odeia armas de fogo, não dá pra ele pegar uma metranca e sair matando geral. Mudar isso não deu certo da primeira vez e não vai dar agora.
  • Não fique numa fórmula só: Isso serviria pra Marvel também, que agora todo filme é uma sessãozinha da tarde engraçadalha e sem peso dramático. Fórmulas são boas para manter uma conexão e facilitar um universo compartilhado de vários filmes, mas cada herói tem sua particularidade e seus filmes devem refletir isso.
  • Não meta a mão no trampo dos seus diretores: Não que eu goste do que Zack Snyder fez com Liga da Justiça, mas a DC simplesmente se aproveitou de uma tragédia familiar do cara, afastou ele e picotou todo o filme, fez isso com Esquadrão Suicida – o primeiro – e até engavetou filmes prontos. Discuta o planejamento antes, a conexão de cada filme e depois deixe o diretor fazer o dele.
  • E por fim…Não apresse as coisas: Vai começar de novo? Começa certo e com parcimônia. A Marvel foi lançando filminho de cada herói até ir juntando poucos deles no primeiro Vingadores, depois mais filmes solos e outros heróis aparecendo, e aí foi crescendo o cenário certinho. A DC meteu Batman junto com Superman e do nada lá lançou uma Mulher Maravilha que a gente nunca tinha visto e culminou com um Liga da Justiça onde ainda não tínhamos visto metade dos heróis. Vai de leve, aproveita que a Marvel tá uma zorra e faz direito os seus.

Samuel M. Bertoco é formado em Marketing e Publicidade

Picture of Samuel Bertoco

Samuel Bertoco

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

literatura

Coisas do coração

Sobrelinhas – por Carla Kühlewein “O coração fica sempre no mesmo lugar?”. Essa é a pergunta que a curiosa Valentina faz para sua mãe, bem

literatura

Rabos literalmente presos

Sobrelinhas – por Maria Fernanda Teixeira de Toledo Quem não tem rabo preso que atire a primeira pedra! Agora, cá entre nós… o que te

literatura

No País das Maravilhas?

Sobrelinhas – por Carla Kühlewein É bem provável que você já tenha assistido à versão dos Estúdios Disney do livro clássico de Lewis Carroll ‘Alice

Religião

Andar em Cristo

Por Humberto Xavier Rodrigues Ao entregamos nossas vidas ao Senhor, tudo o mais não é senão um conhecimento do que Ele é em nós, como