Pesquisar
Close this search box.

Dia do Rock: Vocalistas ruins, mas que são bons

  1. Home
  2. /
  3. Notícias
  4. /
  5. Colunas
  6. /
  7. Cultura
  8. /
  9. Dia do Rock: Vocalistas...

Por Samuel M. Bertoco

13 de Julho é conhecido como o Dia Mundial do Rock – a data tem origem no Live Aid, evento onde vários roqueiros se reuniram num big show em prol de causas humanitárias. E como rock é rebeldia não vamos falar dos melhores, mas sim de alguns dos piores vocalistas do rock – o que não os tornam menos icônicos, já que ser frontman de uma banda é muito mais que só soltar a voz.

  • Mick Jagger (Rolling Stones): Não é segredo pra ninguém que Mick não é nenhum Freedy Mercury, ele mesmo já disse algumas vezes não gostar muito de sua voz e que só fez tamanho sucesso por todo o “conjunto” que o forma. Sua voz é meio anasalada e ao vivo – mesmo antes de estar tão velhinho – sempre da umas falhadas. Mas, apesar de não ser das melhores, sua voz é inconfundível – que alias costuma ser comum nas “piores” vozes – além de ter um carisma absurdo e uma presença absoluta de palco.
  • Cazuza: Desafinado e fora de tempo. Mas a alma rock n roll e o espírito livre de poeta traduziu tudo que Cazuza quis dizer para nós, meras almas mundanas, nos seus anos de Barão e depois em carreira solo.
  • Bono Vox (U2): Nem sou eu que acho, é a própria banda. Bono já tinha feito alguns testes para ser vocalista do U2 – não sei se já chamava isso na época – e foi reprovado por cantar muito mal. Inclusive tem quem jure que o tal apelido Bono Vox – algo como boa voz – não é homenagem e sim uma zoada com o cara. Bono é outro que o todo do conjunto o faz tão especial, e não somente a voz.
  • Kurt Cobain (Nirvana): Essa me dói, porque é provavelmente top 5 das vozes que eu mais gosto de todas as bandas do mundo. Agressivo, direto, rasgado. Kurt era uma explosão de sentimentos e rock n roll, mas também era bem desafinado e sua voz não poucas vezes falhava bem. Claro que cantar com uma tonelada de heroína no corpo não ajuda. Mas…
    E aí, qual faltou?

Samuel M. Bertoco é formado em Marketing e Publicidade

Picture of Samuel Bertoco

Samuel Bertoco

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email

VEJA TAMBÉM:

literatura

Coisas do coração

Sobrelinhas – por Carla Kühlewein “O coração fica sempre no mesmo lugar?”. Essa é a pergunta que a curiosa Valentina faz para sua mãe, bem

literatura

Rabos literalmente presos

Sobrelinhas – por Maria Fernanda Teixeira de Toledo Quem não tem rabo preso que atire a primeira pedra! Agora, cá entre nós… o que te

literatura

No País das Maravilhas?

Sobrelinhas – por Carla Kühlewein É bem provável que você já tenha assistido à versão dos Estúdios Disney do livro clássico de Lewis Carroll ‘Alice

Religião

Andar em Cristo

Por Humberto Xavier Rodrigues Ao entregamos nossas vidas ao Senhor, tudo o mais não é senão um conhecimento do que Ele é em nós, como